ALIMENTAÇÃO

Bolotas podem ter propriedades neuroprotetoras

Um estudo publicado no Turkish Journal Of Agriculture And Forestry analisou as propriedades das bolotas.

Bolotas podem ter propriedades neuroprotetoras

Os investigadores recolheram extratos de bolotas descascadas cruas, bem como duas amostras de café de bolota, que foram feitas usando os seguintes métodos: uma primeira amostra foi cozida, torrada e depois moída e a segunda amostra de café de bolota foi torrada e moída.

Depois, os investigadores testaram as amostras e os extratos quanto à atividade inibitória da colinesterase e tirosinase in vitro, bem como a atividade antioxidante e os teores totais de fenol e flavonoides.

Os resultados do estudo revelaram que os extratos foram capazes de inibir a atividade da colinesterase, mas não a atividade da tirosinase.

Além disso, a atividade observada das amostras mostrou que os extratos da matéria-prima foram mais ativos que as amostras de café, o que pode significar que o processamento afeta a concentração de compostos responsáveis ​​pela atividade inibitória da colinesterase.

Os dados da análise fitoquímica das amostras mostraram que a matéria-prima de bolotas tinha o maior teor de fenol total, enquanto as amostras de café que eram produzidas a partir da fervura, torrefação e moagem eram as mais baixas. Além disso, extratos da matéria-prima exibiram a maior atividade antioxidante.

Fonte: Food News

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS