DIETA

Proliferação da dieta sem glúten afeta pessoas com doença celíaca

Um novo estudo publicado no Journal of Human Nutrition and Dietetics investigou de que forma a recente proliferação da indústria de alimentos sem glúten afetou indivíduos que vivem com doença celíaca.

Proliferação da dieta sem glúten afeta pessoas com doença celíaca

Através de entrevistas a 17 adultos com doença celíaca que vivem no Canadá, os investigadores descobriram que os participantes veem o crescimento da indústria livre de glúten como uma “faca de dois gumes”.

Se, por um lado, os indivíduos estão “gratos por terem mais opções de alimentos sem glúten”, por outro, sentem-se confrontados com os mal-entendidos existentes sobre a gravidade da doença celíaca, devido às muitas pessoas que seguem uma dieta sem glúten simplesmente por “ser moda”.

Segundo o estudo, embora a popularização da dieta sem glúten tenha oferecido benefícios para muitos indivíduos com doença celíaca, ela também ampliou alguns dos desafios comuns associados à necessidade de seguir a dieta de forma tão rigorosa.

A investigação foi realizada pela Universidade de Calgary, no Canadá.

Fonte: News Medical

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS