OBESIDADE

Médico cria novo método para tratar obesidade

De acordo com um relatório divulgado recentemente pela Organização Mundial de Saúde, a obesidade mundial triplicou desde o final dos anos 70 e, em 2016, mais de 1,9 mil milhões de adultos estavam com sobrepeso.

Médico cria novo método para tratar obesidade

Para travar a epidemia de obesidade, o médico Shantanu Gaur criou a Elipse Therapy, um tratamento não-cirúrgico para a obesidade, que funciona com base no uso de uma pílula que infla um balão no estômago. O tratamento aguarda a aprovação do regulador de saúde norte-americano (FDA).

"Começámos a pensar que se as pessoas pudessem ocupar espaço no estômago, comeriam menos", disse o médico. Esta não é uma ideia totalmente nova, considerando que há anos que pacientes obesos recorrem à cirurgia bariátrica, ou bypass gástrico, a bandas gástricas e até a balões para reduzir o tamanho do estômago; contudo, muitas destas cirurgias têm complicações significativas.

"O aumento e a perda de peso é um processo bastante complexo", disse o médico.
Juntamente com um colega, o clínico criou uma pílula que, uma vez engolida, liberta um balão feito de filme de polímero fino com um tubo atrás dele.

Assim que atinge o estômago, cerca de duas chávenas de água misturadas com conservante são bombeadas através do tubo para dentro do balão. O tubo é removido pela boca, o balão é inflado e as pessoas sentem-se cheias. No total, este processo demora 15 minutos.

Este tratamento já foi feito em mais de 50 pessoas, e até agora não houve complicações.

"Quatro meses depois o balão é absorvido pelo organismo. Durante esse tempo, as pessoas que foram submetidas a este tratamento perdem cerca de dez a 15 por cento do seu peso corporal, porque a ingestão de comida reduz drasticamente", disse o clínico.

O médico espera que este método para tratamento da obesidade chegue ao mercado em 2020.

Fonte: Ozy

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS