DENTISTA

Profissão de dentista afetada pelo desemprego e subemprego

A Young Dentists Portugal – YDP, associação que representa os jovens dentistas portugueses, acaba de lançar uma campanha de consciencialização para alertar para o estado da profissão em Portugal, afetada pelo desemprego e subemprego.

Profissão de dentista afetada pelo desemprego e subemprego

A campanha, intitulada "Médicos Dentistas: da fama de sultão à realidade de frustração", foi lançada no passado sábado, 5 de março, num fórum de discussão sobre o estado da Medicina em Portugal, integrado no congresso da associação europeia de estudantes de medicina dentária, que reuniu, em Coimbra, cerca de 600 participantes de 28 países, 400 dos quais portugueses.

João Pires, presidente da YDP, assinala que o problema reside no "excesso de médicos dentistas" em Portugal e que hoje em dia a emigração e o desemprego "são uma realidade para os jovens médicos dentistas, que encaram a saída do país como a alternativa ao subemprego e exploração que encontram".

"A formação crescente de médicos dentistas nos últimos anos em consequência do aumento das vagas de acesso ao curso não é um tema de debate recente. A Ordem dos Médicos Dentistas há muito que se encontra elucidada acerca deste problema e das suas consequências para os profissionais mais jovens", declara o responsável.

Por outro lado, "a crise económica e o corte dos rendimentos das inúmeras famílias portuguesas levaram a que exista um decréscimo no acesso às consultas de medicina dentária por parte da população portuguesa", alerta João Pires numa nota de imprensa.

"Paralelamente a isto, o número de médicos dentistas continua a aumentar a passos largos todos os anos", refere o médico dentista, adiantando que embora os jovens profissionais busquem "condições de trabalho dignas, equivalentes à sua formação", acabam por encontrar empregos "na maioria, sob condições de trabalho não contratuais, em que o rendimento é auferido através de baixas percentagens dos tratamentos realizados".

Fonte: press release

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS


ÚLTIMAS NOTÍCIAS