Folheto Informativo - Informação para o utilizador
BENDALINA Colírio solução
Bendazac
BENDALINA Colírio solução

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois contém informação importante para si.

- Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.

- Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro.

- Este medicamento foi receitado apenas para si. Não deve dá-lo a outros. O medicamento pode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sinais de doença.

- Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro.

1. O que é Bendalina e para que é utilizado



Grupo farmacoterapêutico: Medicamentos usados em afecções oculares. Anti- inflamatórios. Anti-inflamatórios não esteróides.


Bendalina está indicada como coadjuvante no tratamento da catarata (catarata degenerativa pré-senil e senil; catarata juvenil, catarata diabética, opacificação do córtex ou do núcleo do cristalino de diversas etiologias).


O bendazac também é útil na prevenção da catarata pré-senil e senil, em doentes com catarata incipiente e na prevenção da catarata secundária (opacificação pós cirúrgica do cristalino e das cápsulas).

2. O que precisa de saber antes de utilizar Bendalina



Não utilize Bendalina

Se tem alergia (hipersensibilidade) à substância activa ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6).


Advertências e precauções

Fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro antes de utilizar Bendalina

Na medida em que existe a possibilidade de absorção sistémica, não é possível excluir a ocorrência de efeitos sistémicos, nomeadamente, efeito laxante, perturbações gastrointestinais e hepatotoxicidade. O risco de ocorrência destes efeitos depende, entre outros factores, da superfície exposta, quantidade aplicada e tempo de exposição.


Outros medicamentos e Bendalina

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a utilizar, ou tiver utilizado recentemente, ou se vier a utilizar outros medicamentos.


Os anti-inflamatórios não esteróides (AINE) podem diminuir a eficácia dos diuréticos assim como de outros medicamentos anti-hipertensores. Nalguns doentes com função renal diminuída (ex: doentes desidratados ou idosos com comprometimento da função renal) a co-administração de um IECA ou AAII e agentes inibidores da ciclooxigenase pode ter como consequência a progressão da deterioração da função renal, incluindo a possibilidade de insuficiência renal aguda, que é normalmente reversível. A ocorrência destas interacções deverá ser tida em consideração em doentes a fazer a aplicação de Bendalina por tempo prolongado, em associação com IECA ou AAII. Consequentemente, esta associação medicamentosa deverá ser administrada com precaução, sobretudo em doentes idosos. Os doentes devem ser adequadamente hidratados e deverá ser analisada a necessidade de monitorizar a função renal após o inicio da terapêutica concomitante, e periodicamente desde então.


Têm sido muito raramente notificadas reacções cutâneas graves, algumas das quais fatais, incluindo dermatite esfoliativa, síndroma de Stevens-Johnson e necrólise epidérmica tóxica, associadas à administração de AINE (ver secção "Efeitos secundários possíveis. Aparentemente o risco de ocorrência destas reacções é maior no inicio do tratamento, sendo que na maioria dos casos estas reacções se manifestam durante o primeiro mês de tratamento. Bendalina, colírio, solução deve ser interrompido aos primeiros sinais de rash, lesões mucosas, ou outras manifestações de hipersensibilidade.


Bendalina, colírio, solução a 1,5 mg/0,3 ml não contém conservantes. Após a sua utilização, deverá deitar fora a restante solução, mesmo se só tiver utilizado uma parte do medicamento.


Os portadores de lentes de contacto devem removê-las, antes da aplicação do colírio.


Gravidez, amamentação e fertilidade

Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.

Apesar dos estudos clínicos em grávidas e em mulheres a amamentar, não terem revelado quaisquer contra-indicações particulares ao uso da Bendalina, nem efeitos provocados e indesejáveis nas mães ou nas crianças, aconselha-se contudo, às mulheres grávidas e às que estão a amamentar, o uso do medicamento só quando absolutamente necessário e sob controlo médico.


Condução de veículos e utilização de máquinas

Em caso de perturbação da visão após instilação de colírio não se deverá conduzir veículos ou utilizar máquinas.

3. Como utilizar Bendalina


Utilize este medicamento exatamente como indicado pelo seu médico

Instilar em cada olho 2 gotas, ou metade do conteúdo de um recipiente monodose, três vezes ao dia, segundo prescrição médica.


Modo de administração


Para utilizar o colírio, solução seguir as instruções:

1 - Retirar um recipiente monodose da fita como ilustrado na fig. A

2 - Abrir o recipiente monodose, rodar e retirar a tampa, como na fig. B

3 - Apertar lentamente, para fazer sair o líquido, gota a gota, na dose recomendada.


Nota: Após a abertura e utilizada a dose recomendada, o restante líquido, não pode

ser mais utilizado.



BENDALINA



A duração do tratamento, depende da situação clínica e da sua evolução. Se utilizar mais Bendalina do que deveria Não foram reportados casos de sobredosagem, devido ao uso da Bendalina.

Em caso de ingestão acidental, deverá dirigir-se ao hospital mais próximo, levando este folheto, procedendo-se ao tratamento sintomático. Será útil proceder-se a uma lavagem gástrica, administração de carvão activado, diurese forçada.


Caso se tenha esquecido de utilizar Bendalina

Não aplique uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de aplicar.

Se for omitida a administração de uma ou mais doses, o tratamento deve continuar.


Se parar de utilizar Bendalina

Não é necessária qualquer precaução especial, para a suspensão do tratamento.


Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4. Efeitos secundários possíveis



Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestam em todas as pessoas.


Pode ocasionalmente observar-se o aparecimento de eritema localizado, dermatite, irritação localizada, ardor no local de aplicação, que desaparecem quando se interrompe o tratamento.


Muito raramente estão descritos casos de reacções bolhosas incluindo síndroma de Stevens-Johnson e necrólise epidérmica tóxica.


Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro.

5. Como conservar Bendalina



Não necessita de condições especiais de conservação.


Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.


Não utilize Bendalina após o prazo de validade impresso no recipiente monodose, na saqueta e na embalagem exterior, após "Val". O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.


Não utilizar as monodoses 2 meses após a abertura da saqueta. Não utilize Bendalina se verificar sinais visíveis de deterioração.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

6. Conteúdo da embalagem e outras informações



Qual a composição de Bendalina

A substância activa é o bendazac de lisina di-hidratada. Cada ml de Bendalina colírio, solução contém 5 mg de bendazac de lisina di-hidratada.


Os outros componentes são: ácido bórico, lisina mono-hidratada, hipromelose, cloreto de potássio, água para preparações injectáveis.


Qual o aspecto da Bendalina e conteúdo da embalagem

Bendalina apresenta-se na forma farmacêutica de colírio, solução. É uma solução incolor, límpida e ligeiramente viscosa, acondicionada em recipientes monodose de polietileno de baixa densidade transparente de 0,3 ml acondicionados em saquetas de 5 recipientes monodose.


Apresentam-se em embalagens com 30 ou 60 recipientes monodose.


É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.


Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante


Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Angelini Farmacêutica, Lda

R. João Chagas 53 – Piso 3

1499-040 Cruz Quebrada – Dafundo


Fabricante

ACRAF – Aziende Chimiche Riunite Angelini Francesco S.p.A.

Via Vecchia del Pinocchio, 22

I-60131 Ancona

Itália


Laboratoire Unither (Fab. Coutances)

ZI de la Guérie

50211 Coutances

França

Copyright 2020 Tupam Editores SA ## 146